ISO 45001 - Saúde e Segurança Ocupacional

ISO 45001 - Sistema de Gestão de Saúde e Segurança Ocupacional

O compromisso das organizações com a segurança, saúde e qualidade de vida de seus colaboradores é um diferencial competitivo e fortalece a imagem da empresa perante seus clientes, acionistas e partes interessadas.

Diversos motivos que levam grandes organizações a se certificarem na ISO 45001  Sistema da Segurança e Saúde Ocupacional (SGSSO), entre eles, assegurar o cumprimento da lei e a necessidade de descobrir seus pontos fortes e seus pontos fracos para buscar oportunidades de aperfeiçoamento.

A ISO 45001 é uma norma internacional, aplicável a todas as organizações, dos mais variados setores e portes.

Esse sistema define os requisitos e exigências relacionadas à Segurança e Saúde, permitindo as organizações o mapeamento e controle de seus riscos operacionais e possibilitando o desempenho.

Objetivos da ISO 45001

  • Fornecer uma estrutura para gerenciar os riscos e oportunidades do SSO.
  • Objetivos e Resultados Pretendidos: prevenir lesões e problemas de saúde e proporcionar locais de trabalhos seguros e saudáveis.
  • SSO Mais Efetivo e Eficaz: tomar medidas antecipadas para abordar oportunidades de melhoria do SSO.
  • SSO Pode ajudar a organização a cumprir requisitos legais e outros requisitos.

 

CONTEXTO DA NORMA

A Organização é responsável pela saúde e segurança ocupacional dos trabalhadores e de outros que podem ser afetados por suas atividades, e deve promover e proteger a saúde física e mental de ambos.

O Sistema de Saúde e Segurança Ocupacional ISO 45001 deve:

  • Fornecer locais de trabalho seguros e saudáveis;
  • Evitar lesões e problemas de saúde relacionados ao trabalho;
  • Melhorar continuamente o desempenho do Sistema de Saúde Ocupacional.

Benefícios da ISO 45001

Essa certificação atesta que a organização foi avaliada e possui controle e profundo conhecimento sobre os riscos relevantes de suas operações rotineiras e em condições especiais.
Além disso, as organizações certificadas na ISO 45001 relataram:

  • Disseminação de uma cultura de segurança;
  • Aumento do controle dos perigos e redução de riscos;
  • Evidência de atendimento legal;
  • Redução dos custos do negócio relacionados a afastamentos e acidentes;
  • Redução das perdas de produção por interrupções ou acidentes.

Como a Qualtec atua

Avaliação de Perigos e Riscos  -  Assegurar a Classificação de Riscos e a Identificação Daqueles Que Devem ser Eliminados ou Controlados Através de Medidas. O relatório irá fornecer subsídios para a determinação de Requisitos de Instalação, Identificação de Necessidades de Treinamento e/ou Desenvolvimento de Controles Operacionais. Será apresentando um Relatório (Planilha) com todos os itens levantados, para que a empresa junto ao seu departamento jurídico possa fazer um link dos perigos e riscos levantados com a legislação associada a eles. Os desvios identificados têm uma natureza potencial, baseiam-se na evidência e informação recolhida sobre o que existe no momento da avaliação e o que está previsto, e os requisitos que futuramente a organização terá de cumprir.   O grande diferencial da avaliação executado pelos profissionais da Qualtec é o relatório entregue a organização que dispões os requisitos e apresenta a prática a ser aplicada, apresenta todos os pontos para apoio na definição do cronograma de trabalho adequado. 

Treinamento  - Propicia aos participantes a interpretação da norma e apresenta os requisitos necessários para a implementação (Treinamento ISO 45001).  

Auxílio na Implantação - Desenvolvimento de procedimentos e manuais e elaboração de processo.  Aperfeiçoa a eficiência e eficácia de processos (produtivos e administrativos correlatos).  Define processos de trabalho e de sistemas que são claramente entendidos, gerenciados e melhorados.  Implanta indicadores de desempenho.  Busca de soluções personalizadas, sistema de gestão adaptado à estrutura da empresa.

Auditoria Interna - Nas auditorias são identificadas oportunidades de melhoria, visando à total compatibilidade entre os processos em operação e os processos descritos nos documentos. Tem a vantagem de avaliações independentes, visão externa e neutra do sistema, resultados mais objetivos e maior número de oportunidades de melhorias.