fbpx

Estudo anual sobre percepção da corrupção traz novidades e insights, mas como o Brasil está no ranking mundial?

Já está disponível o resultado do Índice de Percepção da Corrupção 2019, estudo produzido pela Transparência Internacional desde 1995. O índice tem foco no setor público de 180 países e territórios, atribuindo notas de 0 (altamente corrupto) à 100 (muito íntegro). Ou seja, quanto maior a nota, mais íntegro.

Desde 2012, o IPC passou a ser feito anualmente, de forma a acompanhar melhor a evolução e retrocesso de cada país.
E o Brasil, como se saiu no ranking? Os países mais íntegros mantiveram suas posições?

Relembre o estudo de 2018

Aqui no blog da Qualtec, você pode conferir como foi o IPC 2018 e como o Brasil se saiu mais detalhadamente.

Para acessar o estudo de 2019 diretamente no site da Transparência Internacional Brasil, é só clicar aqui (o estudo completo pode ser acessado aqui, em inglês, no site da Transparency International).

As mudanças trazidas no IPC 2019

Além do ranking divulgado anualmente junto as notas dos países, o estudo de 2019 traz também um comparativo das notas obtidas pelos países nos últimos 5 anos.

O estudo completo conta com 34 páginas, contendo os detalhes do ranking de 2019, insights sobre integridade em geral, comentários de especialistas e um resumo do que foi observado de forma global e em cada continente.

Na página inicial do site de divulgação do estudo (em inglês), há diversos destaques interessantes: países que melhoraram consideravelmente, que decaíram e países para “ficar de olho”; artigos temáticos específicos sobre o IPC (insights globais, regiões e mais); acesso ao estudo completo e uma série de outros materiais que podem ser acessados.

Os governos devem abordar com urgência o papel corrupto do grande dinheiro no financiamento de partidos políticos e a influência indevida que ele exerce sobre nossos sistemas políticos.
Delia Ferreira Rubio, cadeira na Transparência Internacional (FONTE: Transparency International/Janeiro 2020)

O foco do estudo foi ainda mais voltado para política, destacando, nas Américas, Estados Unidos e Brasil como países para acompanhar de perto.

O que o índice destacou sobre o Brasil

Na página 13 do estudo, o Brasil divide espaço com os Estados Unidos.
Sobre nosso país, o que os especialistas apontam, em tradução livre:

“A corrupção continua sendo um dos maiores impedimentos à economia e desenvolvimento social no Brasil. Com 35 pontos, o Brasil continua estagnado, com a menor pontuação no IPC desde 2012.

Após as eleições nacionais de 2018, que foram fortemente influenciadas pela sempre crescente influência de interesses especiais do governo, ao uso de empresas “fantasmas” anônimas por criminosos, indivíduos corruptos e até terroristas para esconder atos ilícitos

Enquanto o Presidente Trump fez campanha com a promessa de “drenar o pântano” e fazer o trabalho do governo por mais do que apenas membros de Washington e elites políticas, uma série na agenda anticorrupção, o Brasil experimentou uma série de contratempos em suas estruturas legais e institucionais anticorrupção.

O país também enfrentou dificuldades em avançar nas reformas abrangentes ao seu sistema político. Os contratempos incluíam um Supremo Mandado Judicial que praticamente paralisou os escândalos envolvendo dinheiro do Brasil, demissões e alegações de comportamento antiético sugerem que a cultura “pay-to-play” só se tornou mais enraizada.

Em dezembro de 2019, o Presidente da Câmara dos Deputados dos EUA formalmente acusou Trump por abuso de poder e obstrução do Congresso, lavagem de dinheiro e um inquérito que secretamente visava os agentes executores das leis.

Os desafios contínuos incluem crescente interferência política com instituições anticorrupção pelo presidente Bolsonaro, e a aprovação do congresso de uma legislação que ameaça a independência de direito dos agentes executores e a responsabilização dos partidos políticos.

O progresso na agenda anticorrupção do Brasil está em risco, e a crescente impunidade ameaça enfraquecer a democracia e desestabilizar o país.”

– Página 13 do IPC 2019, comentando sobre o retrocesso do Brasil (FONTE: Transparency International/Janeiro 2020)

O resultado do Brasil no Índice de Percepção da Corrupção 2019

Se 2018 se mostrou um ano preocupante para o país, em 2019 o Brasil registrou a segunda queda consecutiva no Índice de Percepção da Corrupção desde 2012: com apenas 35 pontoscaímos para a 106ª posição no ranking mundial.

Em resumo, se o resultado de 2018 foi alarmante, o resultado de 2019 apenas vem comprovar que, apesar de todos os esforços, o Brasil está longe de conquistar integridade, principalmente porque falta proatividade – tanto do setor público (que deveria servir de exemplo para todos) quanto do setor privado.

Brasil caiu para 106ª posição, ficando atrás do Peru (FONTE: Transparency International/Janeiro 2020)

Medidas legislativas: é preciso estar compliance

Com a queda do Brasil tanto no ranking quanto na pontuação, fica nítido que, apesar de todos os esforços, ainda temos um longo caminho pela frente.

Acompanhando tardiamente os esforços mundiais, o Brasil vem avançando lentamente em medidas legais para combater a corrupção: leis e decretos federais como a Lei Anticorrupção 12.846/13 e o Decreto 8.420/15 serviram de impulsionadores para diversas leis estaduais e municipais. Vimos o crescimento dos esforços legislativos também por parte dos estados, sendo que 22 possuem legislação específica voltada para corrupção, além das leis municipais vigentes e em trânsito.

Mas muito além de estar compliance, é preciso ser proativo.

Buscando soluções muito além do compliance legal

Muito além de estar em conformidade com suas obrigações legais, as empresas têm buscado um compliance mais robusto, abrangendo a conformidade com todos os processos e documentos da organização.

Iniciativas privadas também foram uma forma que as empresas encontraram de se organizar melhor, trabalhando em conjunto para estabelecer seus objetivos.

ISO 37001: o reconhecimento internacional do compliance antissuborno

Única norma de compliance certificável no mundo, a ISO 37001 visa a prevenção de um dos braços da corrupção: o suborno.

A norma prevê uma série de mecanismos com foco em prevenção e mitigação do suborno, como conscientização e estabelecimento de Política Antissuborno, que são elaborados de forma proporcional à realidade da organização através do levantamento dos riscos de suborno.

Além disso, a ISO 37001 também determina que devem ser estabelecidos controles para a propabilidade de ocorrência de suborno e quais tratativas a empresa deve ter para receber e lidar com denúncias, investigação e casos de suborno.

O apoio e o reconhecimento que você e sua empresa precisam

Consultoria pioneira em compliance antissuborno, a Qualtec conta com profissionais especialistas na ISO 37001, com trabalhos realizados por todo o Brasil, América do Sul e Portugal.

Entre em contato conosco para solicitar sua proposta personalizada, nossos especialistas estão aptos a desenvolver o melhor planejamento para auxiliar sua organização na busca pela cultura de ética, integridade e transparência.

 

Comemoração celebra um século da qualidade em 2019, destacando a importância que a qualidade teve para as empresas ao redor do mundo

A qualidade está presente em nosso dia a dia como algo fundamental.

Quando vemos dois produtos similares onde um é muito barato e as especificações são poucas, logo julgamos que não é de qualidade. Marcas já reconhecidas no mercado são sinônimo de produtos ou serviços de qualidade.

Mas nem sempre foi assim.
De forma a celebrar essa conquista e discutir mais sobre qualidade, a segunda quinta-feira do mês de novembro celebra o Dia mundial da qualidade.

A qualidade na história da humanidade

O mundo muda muito rápido hoje, e não nos damos conta das grandes conquistas alcançadas pelo ser humano. A qualidade é uma delas.

Até bem pouco tempo atrás, não tínhamos todo o respaldo ao cliente que temos hoje. Da mesma forma, a baixa concorrência não incitava as empresas a ter grandes diferenciais.

Com o passar dos anos e o avanço da tecnologia, porém, cada vez mais empresas surgiam, batalhando espaço no mesmo mercado que tantas outras – e muitas vezes, tirando o espaço de marcas mais antigas.

A qualidade surgiu como um diferencial mercadológico: empresas preocupadas em oferecer o que o cliente queria, seguindo suas recomendações e atentos ao seu retorno sobre o produto final. O conceito permanece, mas hoje deixou de ser um diferencial para ser necessário a qualquer empresa que deseje ganhar e manter seu mercado.

Celebrando a qualidade

CQI (Chartered Quality Institute – único órgão profissional licenciado inteiramente dedicado à qualidade) junto ao IRCA (International Register of Certificated Auditors – divisão especializada do CQI dedicada a auditores de sistemas de gestão) trabalham anualmente essa conquista através de temas específicos e como a qualidade se desenvolve neles.

Em 2019, o tema fica por conta do aniversário da data: “100 anos de qualidade”.

Um século trabalhando a qualidade e celebrando o trabalho de milhares de profissionais ao redor do mundo. Se temos a qualidade tão enraizada em nosso cotidiano hoje, é graças ao esforço diário desses profissionais.

Mais informações podem ser encontradas no site da CQI/IRCA, em inglês.

A qualidade nas empresas

Para padronizar o conceito de qualidade nas empresas, surgem as normas técnicas e os sistemas de gestão: agora, as empresas teriam um padrão rígido a seguir se quisessem atestar aos seus clientes que os produtos e serviços oferecidos realmente tinham qualidade.

Essas normas também passam por constante revisão e adaptação, de forma a melhorar continuamente (um dos requisitos essenciais que, inclusive, fazem parte dos próprios requisitos das normas).

Estabelecendo um padrão: as normas da qualidade

A ISO 9001 é um grande exemplo. Sua última atualização foi bem recente, sendo a ISO 9001:2015 sua última versão. Empresas certificadas na norma se adequaram na nova versão, enquanto as que desejam se certificar, já iniciaram os processos na nova versão da norma. O mesmo aconteceu com a IATF 16949, norma voltada para a qualidade nas indústrias automotivas, com a ISO 13485, qualidade voltada em produtos para a saúde e com a ISO 17025, qualidade para laboratórios.

Além da melhoria contínua, a revisão das normas visa trabalha-las de forma a gerar uma integração mais fácil com outras normas, facilitando a implantação de novos sistemas de gestão e do alinhamento da empresa nesse novo desafio.

Dia mundial da qualidade 2019 – Site CQI traduzido

Para facilitar a leitura, trouxemos o texto da página do CQI traduzido, de forma livre:

“O Dia Mundial da Qualidade (# WQD19) foi projetado para reconhecer as contribuições de profissionais de qualidade em todo o mundo. É sua oportunidade de comemorar as conquistas de sua equipe e organização.

Este ano tem um marco emocionante – o centenário do CQI. Estamos orgulhosos de celebrar nossa história convincente e o impacto duradouro da disciplina de gestão da qualidade no avanço da sociedade nos últimos 100 anos.

Alimentados pelo desejo de melhorar a produção de munições não confiáveis ​​após a Primeira Guerra Mundial, nossos membros originais estabeleceram a Associação de Inspeção Técnica em 1919. Cem anos depois, sua paixão por fornecer produtos e serviços confiáveis ​​perdura por causa do excelente trabalho de profissionais de qualidade todo dia.

A profissão de qualidade capacitou as organizações a terem sucesso, independentemente de seu setor e em todas as geografias. A qualidade fez contribuições significativas para os avanços em saúde, fabricação, construção, energia, defesa e transporte.

Convidamos você a celebrar esse legado conosco no Dia Mundial da Qualidade.

  • O que é o Dia Mundial da Qualidade?

    Muitos indivíduos e organizações usam o Dia Mundial da Qualidade como uma oportunidade de atuar como defensores da qualidade. Em 2018, milhares de indivíduos e organizações em todo o mundo organizaram atividades em torno do tema “Qualidade: uma questão de confiança”.
    Ajude-nos a tornar 2019 um sucesso. Ao honrar a profissão de qualidade em 14 de novembro de 2019, você ajuda a elevar o perfil do brilhante trabalho que realiza durante todo o ano e destaca o impacto positivo da qualidade nas organizações.
    Celebrar um século de qualidade oferece oportunidades ilimitadas para refletir sobre a importância do seu trabalho e da nossa profissão. Seja qual for a sua escolha, gostaríamos de ouvir seus planos de se envolver com seus colegas no Dia Mundial da Qualidade. Participe do buzz digital usando a hashtag #WQD19 no Twitter, LinkedIn ou Facebook.”

Mais sobre qualidade

Você pode explorar os serviços oferecidos pela Qualtec na área de qualidade: trabalhamos com consultoriaauditoriadiagnóstico e treinamentos. Caso fique alguma dúvida, entre em contato conosco.

E aí, vamos juntos celebrar a qualidade em sua empresa?
Entre em contato para que nossos profissionais possam enviar uma proposta adequada para você e sua empresa.
Faça mais, melhor e com menos, faça com a Qualtec!

Leave a Reply